Viagem

Como ter o melhor dia na capital cultural da Rússia

O que ver e fazer se você só tiver um dia na bela cidade de São Petersburgo. Segunda-feira, 18 Junho

Por Nancy Gupton
Fotos de Jeff Heimsath, Jess Mandia

Você precisaria de 24 dias, não horas, para começar a ver tudo que São Petersburgo tem a oferecer. Mas com apenas um dia aqui, você pode sentir um gostinho do que faz essa joia da Rússia tão especial. Só algumas dessas sugestões serão suficientes para você se distrair o dia todo, mas vale um aviso: você vai começar a planejar sua próxima viagem para lá antes mesmo de ir embora.

Passeie pela cidade

Depois de deixar suas malas no hotel, dê meia volta e saia para caminhar. Não há maneira melhor de sentir São Petersburgo e sua mistura de velho e novo, industrial e opulento. A rua principal da cidade é Nevsky Prospekt, cujo nome é homenagem ao príncipe russo Alexander Nevsky, imortalizado em uma história de 1835 de Nikolai Gogol. A rua corta a cidade, se estendendo por 4,8 quilômetros. Aqui você encontrará lojas finas, cafés lotados e grandes palácios, museus e catedrais.

Visite as catedrais

Para algumas das melhores visões de São Petersburgo, visite duas de suas igrejas históricas. A multicolorida Catedral do Sangue Derramado, perto do Canal Griboyedov, foi construída como um memorial para o “czar libertador” Alexandre II no mesmo local onde ele sofreu um ferimento fatal em 1881. Diferentemente de outras igrejas da cidade, foi construída no estilo medieval (pense na Catedral de São Basílio, em Moscou) e concluída em 1907. Dentro, é um grande mosaico, com cenas ornamentadas  cobrindo as paredes e teto.

Depois, vá para a Catedral de Santo Isaac, cujo domo de ouro de 101 metros de altura é um ponto de referência da cidade. Concluída em 1858, depois de 40 anos de construção, a catedral colossal é uma maravilha de pedras semipreciosas, metais e artes decorativas.

Antes de ir embora, suba a colunata que cerca o domo para uma vista inigualável da cidade.

Vá para a água

Água, não sangue, corre pelo coração de São Petersburgo. Situada estrategicamente no mar Báltico perto de Pedro, o Grande, é um dos portos mais agitados da cidade. A cidade em si é atravessada por mais de 80 rios e canais. O largo Rio Neva é a maior via fluvial da cidade; caminhe ao logo dele para ver os elaborados detalhes de arquitetura nos seus taludes de granito. De maio a setembro, quando a água é mais quente, faça um dos tours de barco pelo Neva e pelos canais maiores.

Visite um museu

São Petersburgo abriga alguns dos maiores museus de arte e antiguidades do mundo. Não tem como visitar todos em um dia, então, escolha o melhor: o Museu Hermitage. Esse titã, fundado por Catarina, a Grande em 1764, inclui mais de três milhões de obras de arte e artefatos culturais. Tem pinturas do Rembrandt, Van Gogh, Titian, Rubens e Picasso; esculturas de Michelangelo; galerias de antigas armaduras e armas e muito mais. As configurações do museu são tão impressionantes quanto o que tem lá dentro. Ele ocupa seis prédios ao longo do Rio Neva, inclusive o magnífico Palácio de Inverno.

Explore a história

Quem gosta de história não pode perder a Fortaleza de São Pedro e São Paulo, a cidadela original da cidade. Fundada por Pedro, o Grande em 1703, a fortaleza ocupa toda a Hare Island, no Rio Neva. Ela nunca cumpriu seu destino de forte de defesa, ao invés disso foi uma grande prisão para presos políticos, a sede da polícia secreta czarista e um local para testes de foguetes.  Incongruentemente, também foi o local onde muitos czares foram enterrados; Pedro, o Grande está enterrado em frente à Catedral de São Pedro e São Paulo, que ostenta uma torre impressionante.

Veja os melhores balés

São Petersburgo tem uma história no mundo da música e dança, especialmente no balé clássico. Em 1892, Tchaikovsky estreou O Quebra-Nozes no grande Teatro Mariinsky, que ainda brilha como lar do Balé de Mariinsky e a Ópera Mariinsky. Mikhail Baryshnikov começou aqui, assim como Anna Pavlova e Vaslav Nijinsky. Outro teatro importante com um grande pedigree é o Teatro Mikhailovsky, fundado em 1833 pelo Czar Nicolas. Veja a agenda de apresentações e compre ingressos com antecedência para não perder.

Continuar a Ler