Viagem e Aventura

Nove “caminhadas espetaculares” na Nova Zelândia: praias, florestas e montanhas a pé

Se está procurando por uma caminhada de uma hora ou uma trilha de vários dias, estes caminhos vão satisfazer todos os níveis de aventura.Friday, October 5, 2018

Por Carrie Miller
Fotos de Krista Rossow
Depois de passar pela floresta de faias, você pode encontrar o cânion Routeburn.

Kiwis sabem o quanto são sortudos.

Quase 11% da terra de seu país é protegida dentro de 13 parques nacionais administrados pelo Departamento de Conservação (DOC). São mais de 28 mil km² para brincar e os kiwis aproveitam todo esse espaço.

O que os ajuda com isso são as Grandes Caminhadas, nove trilhas desenvolvidas e mantidas pelo DOC.

Espalhadas pelo país, todas com acesso fácil a cidades, as trilhas são bem mantidas e populares entre locais e visitantes. Cada rota é diferente e oferece uma experiência de união com a natureza que não terá em nenhum outro lugar.

Ilha Sul

Trilha Routeburn

A Trilha Routenburn fica na Ilha Sul, onde esta fonte te leva até a floresta de faia.

Facilmente acessível através de Queenstown, a autoproclamada “Capital da Aventura” da Nova Zelândia, a Routenburn tem a vista pela qual a Nova Zelândia é conhecida: lagos cintilantes, vales largos e picos de montanhas altos.

Extensão: 32 km em sentido único
Duração: 2 a 4 dias
Aberta: Do fim de outubro ao início de maio

Trilha Milford

A Milford Track é uma das mais populares das Grandes Caminhadas, com montanhas cobertas de florestas que sobem abruptamente em vales de geleiras. Esse é um dos lugares mais úmidos do planeta, com uma precipitação média anual de 6 metros. O resultado? Lindas cachoeiras, inclusive a Cachoeira Sutherland, de 580 metros.

Extensão: 53 km em sentido único
Duração: 4 dias
Aberta: Do fim de outubro ao início de maio

Trilha Rakiura

Essa é uma das mais remotas das Grandes Caminhadas. Localizada na Ilha Stewart, que fica na extremidade Sul da Ilha Sul. A Ilha Stewart é conhecida pelas praias desertas, florestas nativas rústicas e sua população de kiwis. (A ave que não voa é facilmente vista lá, muitas vezes na praia).

Extensão: Uma volta de 32 km
Duração: 3 dias
Aberta: O ano inteiro.

Trilha Heaphy

A Heaphy é outra trilha selvagem e remota, localizada no canto noroeste da Ilha Sul. Essa trilha é a mais longa das Grandes Caminhadas, serpenteando através de matos e florestas de palmeiras até a costa oeste.

Extensão: 79 km em sentido único
Duração: 4 a 6 dias
Aberta: O ano inteiro

Trilha da Costa Abel Tasman

A Abel Tasman é a trilha mais popular da Nova Zelândia. Com clima temperado, formações rochosas estranhamente esculpidas, oceano cor de jade e praias de areia dourada, é fácil entender por quê. Localizada no topo da Ilha Sul, a trilha abraça essa costa dramática, deixando os andarilhos navegarem sua variação de maré de 4,5 metros, uma das maiores na Nova Zelândia.

Extensão: 59,5 km em sentido único
Duração: 3 a 5 dias
Aberta: O ano inteiro

Trilha Kepler

Essa trilha circular começa e termina a 5 km de Te Anau, na extremidade sudoeste da Ilha Sul, levando os caminhantes das florestas até as cadeias de montanhas.

Extensão: Volta de 59,5 km
Duração: 3 a 4 dias
Aberta: Do fim de outubro ao início de maio

Ilha Norte

Lago Waikaremoana

Serpenteando pela floresta da costa leste da Ilha Norte, essa trilha segue a margem do lago, levando os caminhantes por praias remotas.

Extensão: 46,6 km em uma direção
Duração: 3 a 4 dias
Aberta: O ano inteiro

Circuito do Norte de Tongariro

Essa volta é mais uma das mais populares Grandes Caminhadas, mostrando algumas das paisagens mais extremas e dramáticas da Nova Zelândia, de vulcões ativos a florestas calmas até o que parecem ser planaltos marcianos.

Extensão: Volta de 43,5 km
Duração: 3 a 4 dias
Aberta: Do fim de outubro ao fim de abril

Jornada Whanganui

A Jornada Whanganui é uma trilha de rio, não uma caminhada. Ande de canoa ou caiaque pelo riquíssimo Parque Nacional Whanganui.

Extensão: 87 a 145 km em um sentido
Duração: 3 a 5 dias
Aberta: Início de outubro ao fim de abril

Dicas para fazer uma das Grandes Caminhadas

– As Grandes Caminhadas são populares, então planeje sua viagem com antecedência.

– O clima da Nova Zelândia muda muito, o ano inteiro. Verifique a previsão local. Se tiver alguma pergunta, pare em um escritório local do Departamento de Conservação.

– Apesar das Grandes Caminhadas serem bem mantidas, é a natureza: faça as malas e se prepare bem. Sempre fale para alguém dos seus planos. Se você tiver dúvidas sobre o clima, terreno ou travessias de rio, seja cauteloso – há muitas outras caminhadas extraordinárias por perto. Não fique preso aos seus planos; adapte-se às condições.

– Não está pronto para caminhadas de vários dias? Sem problema! A Nova Zelândia é cheia de trilhas, de pequenas perambulações em parques da cidade até caminhadas de meio dia em paisagens que vão de praias até montanhas. Pegue suas botas de caminhada e vá explorar.

Descubra mais sobre A Melhor Experiência da Nova Zelândia.

Carrie Miller é repórter, viajante e contadora de histórias baseada na Nova Zelândia para a revista National Geographic Traveler e outras publicações. Siga-a no Facebook e Instagram.

Krista Rossow é fotógrafa colaboradora da National Geographic Travel. Você pode segui-la no Instagram @kristarossow.

Continuar a Ler