Animais

Como esta cobra de 7 metros engoliu um homem inteiro

Vídeo chocante mostra o momento em que uma cobra píton é cortada para revelar um homem de 25 anos na barriga.

Por Sarah Gibbens

Cuidado: vídeo contém imagens fortes.

No início, a imagem está borrada e confusa. Um grupo de homens cerca uma píton e começa a cortar sua barriga. Logo fica evidente que há algo diferente dentro da cobra gigante, mas ainda não fica claro o que está atraindo tanta atenção.

Mas aí você percebe: trata-se de um homem adulto, morto dentro da píton e engolido por inteiro.

(Veja também: Sucuri estrangula macho embaixo d'água)

De acordo com informações da imprensa local, O corpo encontrado dentro da cobra de 7 metros de comprimento pertence a ao agricultor Akbar Salubiro, de 25 anos, que trabalhava em uma plantação de palmas na ilha de Sulawesi, Indonésia, quando desapareceu.

A mídia local também relata que a cobra era uma píton. Elas estão entre as maiores do mundo, chegando a mais de 7 metros de comprimento e pesando mais de 45 kg.

Essas enormes serpentes matam suas presas antes de as engolir, por isso é improvável que Salubiro tenha sido comido vivo.

(Veja também: Duelo entre cobra e lagarto tem final surpreendente)

Estudo de 2015 descobriu que, ao contrário da crença popular, pítons e outras cobras constritoras, como jiboias e sucuris não sufocam suas vítimas, mas matam as presas cortando o fluxo sanguíneo, método mais rápido e eficiente.

Scott Boback, ecologista que estuda vertebrados na Universidade de Dickinson, em Carlisle, Pensilvânia, falou com a National Geographic em 2015 sobre como as vítimas morrem nesse tipo de ataque.

"O coração literalmente não tem força suficiente para empurrar o sangue contra a pressão", disse ele. Quando bem executado, o poderoso aperto de uma píton é capaz de impedir que o sangue chegue ao coração em segundos.

Depois de capturarem suas presas, as pítons são capazes de comer animais enormes, como crocodilos, hienas e até mesmo outras cobras. Elas normalmente avaliam o tamanho das presas antes de comê-las, mas erros de cálculo são comuns. Em 2005, uma píton tentou engolir um jacaré inteiro na Flórida – o alimento era tão grande que seu estômago se rompeu.

Relatos de cobras capazes de comer seres humanos, no entanto, são raros.

“Nesse caso, os ombros do homem seriam o único grande obstáculo para que a píton possa engolir a vítima”, diz Mary-Ruth Low, diretora de pesquisas e especialista em pítons do Zoológigo de Cingapura, à BBC.

"As omoplatas humanas são o fator restritivo, porque não são flexíveis", afirma a especialista.

Rahmansyah, professor da Universidade de Hasanuddin, em Makassar, acredita que o desmatamento causado pela indústria de óleo de palma pode ser o culpado pelo comportamento incomum dessa cobra.

“Como o habitat foi destruído, as fontes de alimentos naturais da cobra também foram afetadas. Assim, a cobra foi até a plantação de palmas em busca de presas”, disse ele ao Jakarta Post.

Óleo de palma é utilizado em muitos produtos domésticos comuns, de sódio a sabão, e a indústria causou a perda de habitat de animais como orangotangos e tigres-de-sumatra.

Segundo relatos, os agricultores que cultivam palma em Sulawesi estão ficando em casa após o horrível incidente.

 

Continuar a Ler