Nave da SpaceX retorna à Terra com ‘mergulho’ no Atlântico – assista aqui

Após dois meses na Estação Espacial Internacional, a sonda tripulada Crew Dragon Endeavour pousará nos arredores da Flórida, nos EUA, neste domingo (02/08). Último 'pouso' do tipo ocorreu há 45 anos.

Sunday, August 2, 2020,
Por Gabriel de Sá
Imagem dos astronautas da Nasa Bob Behnken e Doug Hurley a bordo da Crew Dragon, da SpaceX.

Imagem dos astronautas da Nasa Bob Behnken e Doug Hurley a bordo da Crew Dragon, da SpaceX.

Foto de SpaceX

Se o tempo na costa leste dos Estados Unidos cooperar, a cápsula Crew Dragon Endeavour, da SpaceX, irá mergulhar no Oceano Atlântico na tarde deste domingo (02/08). Sim, você leu corretamente: a missão que levou astronautas da Nasa à Estação Espacial Internacional há dois meses retornará ao Planeta Terra em grande estilo.

A última vez que um foguete se utilizou dessa tecnologia, conhecida como “splashdown”, para aterrissar, foi em julho de 1975, há 45 anos. Tripulada pelos astronautas da Nasa Bob Behnken e Douglas Hurley, a Crew Dragon se desencaixou da Estação Espacial na noite de sábado (01/08) e deve ‘pousar’ no mar entre 15h30 e 16h deste domingo (horário de Brasília).

É possível que o horário seja alterado, a depender de diversos fatores, incluindo o tempo. A Nasa informou que está monitorando a previsão meteorológica em sete potenciais locais para o “mergulho” da Crew Dragon: seis cidades no litoral da Flórida, nos EUA, e a costa da Cidade do Panamá. As equipes continuarão monitorando de perto a tempestade tropical Isaias e avaliando os impactos climáticos em torno da península da Flórida.

O foguete Falcon 9, da SpaceX, decola do Centro Espacial Kennedy, na Flórida, levando os astronautas Bob Behnken e Doug Hurley, da Nasa.

Foto de Michael Seeley, National Geographic

Dois meses após decolar rumo à Estação Espacial Internacional, a missão Space-X Demo-2 é histórica por ser o primeiro retorno de uma espaçonave americana construída e operada comercialmente. A sonda Dragon Crew decolou do Kennedy Space Center da Nasa, na Flórida, em 30 de maio, e chegou à estação no dia seguinte.

[Relacionado: ‘SpaceX lança nova era de viagem espacial em primeiro voo tripulado da empresa’]

Novas parcerias

O voo da Crew Dragon, da SpaceX, é apenas o quinto da história dos EUA em que pilotos utilizaram uma nova espaçonave para levá-los à órbita.

A missão foi a primeira em que a Nasa enviou astronautas dos EUA sem pagar por assentos em uma nave russa desde que a agência aposentou seus ônibus espaciais, em 2011.


No novo modelo de parceria, a SpaceX mantém a posse e o controle operacional de sua nave, o que quer dizer que qualquer um que tenha dinheiro, ao menos em teoria, pode comprar uma passagem para o espaço.

“Queremos enviar todo tipo de pessoa para o espaço”, diz Benji Reed, diretor de missões tripuladas na SpaceX à época do lançamento. “Tudo que estamos fazendo é abrir um novo capítulo na era da exploração espacial”.

Assista aqui:

Continuar a Ler