Quais animais foram enviados ao espaço

Antes das pessoas viajarem para fora do planeta, especialistas enviaram animais para estudar a possibilidade de sobreviver a longos períodos com ausência de gravidade.

Um chimpanzé de três anos, chamado Ham, no sofá biopack para o voo de teste suborbital MR-2.Em 31 de janeiro de 1961, um lançamento Mercury-Redstone do Cabo Canaveral levou o chimpanzé "Ham" a mais de 400 milhas em uma trajetória em arco que atingiu um pico de 155 milhas acima da Terra. A missão foi bem-sucedida, e Ham teve um bom desempenho em sua tarefa de puxar a alavanca em resposta à luz intermitente. A Nasa usou chimpanzés e outros primatas para testar a Mercury Capsule antes de lançar o primeiro astronauta americano Alan Shepard em maio de 1961. O voo e a recuperação bem-sucedidos confirmaram a robustez dos sistemas Mercury-Redstone.

Foto de NASA
Por Redação National Geographic Brasil
Publicado 4 de nov. de 2022 10:05 BRT

A famosa cadela Laika entrou para a história quando, em 1957, foi o primeiro ser vivo enviado para o espaço, na nave soviética Sputnik 2. Esse feito a tornou um sucesso mundial, e vários países emitiram selos em sua homenagem, detalha a Nasa no artigo Uma breve história dos animais no espaço.

Embora tenha sido pioneira em orbitar a Terra, Laika não foi o primeiro animal a viajar para o espaço. Antes dos humanos viajarem para fora do planeta, os cientistas se perguntavam se as pessoas seriam capazes de sobreviver a longos períodos de ausência de gravidade. Portanto, eles escolheram enviar animais para testar a capacidade de lançar um organismo vivo no espaço e trazê-lo de volta vivo e ileso.

Quais foram os animais enviados ao espaço 

Segundo informações da Nasa, os primeiros animais enviados ao espaço foram macacos e camundongos. O primeiro deles foi Albert 1, um macaco-rhesus (Macaca mulatta), que foi lançado ao espaço no dia 11 de junho de 1948. Outro espécime foi enviado em 1949, Albert 2. Infelizmente, os dois primatas morreram. Em 1950, eles lançaram um rato que também não sobreviveu.

Em 1951, um macaco chamado Yorick se tornou o primeiro de sua espécie a sobreviver a um voo espacial. Além dele, 11 camundongos foram recuperados após a viagem.

O chimpanzé "Ham" é ajudado a vestir seu "traje espacial" antes do voo de teste Mercury-Redstone 2 (MR-2) em 1º de janeiro. 31 de janeiro de 1961.

Foto de NASA

Antes de Laika chegar ao espaço sideral, uma equipe soviética usou camundongos, ratos e coelhos como passageiros para seus testes iniciais. Por fim, eles escolheram cães pequenos para esta fase de provas definitivas, porque acreditavam que seriam menos inquietos ao voar e permitiriam resultados mais precisos.

Entre 1951 e 1952, os foguetes soviéticos transportaram nove cães; quatro acabaram morrendo. Finalmente, em 3 de novembro de 1957, a Sputnik 2 entrou na órbita da Terra com uma cadela a bordo chamada Laika. Infelizmente, ela faleceu depois de algumas horas, e a nave queimou na atmosfera exterior meses depois, de acordo com a Nasa.

Depois disso, os experimentos com animais continuaram e as equipes norte-americana e soviética enviaram mais camundongos, macacos, coelhos, porquinhos-da-índia, insetos, ratos, chimpanzés (incluindo Enos, o primeiro de sua espécie a orbitar a Terra, em 1961), gatos , tartarugas, moscas.

De acordo com a agência espacial, “apesar das perdas, esses animais ensinaram aos cientistas muito mais do que poderiam ter aprendido sem eles. Eles deram suas vidas em nome do avanço tecnológico, abrindo caminho para muitas incursões da humanidade no espaço".

Continuar a Ler

Você também pode se interessar

Espaço
Laika: o primeiro ser vivo enviado ao espaço
Espaço
Semana Mundial do Espaço: quando e por que se comemora?
Espaço
Quando será possível ver a chuva de meteoros Delta Aquáridas?
Espaço
Eventos astronômicos de novembro: quando será o eclipse lunar
Espaço
Como nasce uma estrela

Descubra Nat Geo

  • Animais
  • Meio ambiente
  • História
  • Ciência
  • Viagem
  • Fotografia
  • Espaço
  • Vídeo

Sobre nós

Inscrição

  • Assine a newsletter
  • Disney+

Siga-nos

Copyright © 1996-2015 National Geographic Society. Copyright © 2015-2021 National Geographic Partners, LLC. Todos os direitos reservados