Como o uso excessivo de celular afeta o cérebro?

Não há como separar a vida moderna desses dispositivos, mas quais efeitos eles podem causar no funcionamento do cérebro?

Por Redação National Geographic Brasil
Publicado 22 de dez. de 2022 10:28 BRT
Pesquisa aponta que os celulares estão nos deixando mais preguiçosos para pensar.

Pesquisa aponta que os celulares estão nos deixando mais preguiçosos para pensar.

Arte de WT MEDIA INC.

Os smartphones e celulares são parte integrante das nossas vidas e essenciais para diversas atividades. Entretanto, as horas seguidas olhando para telas, rolando as timelines de redes sociais já demonstram efeitos colaterais no funcionamento do nosso cérebro, segundo especialistas.

O celular afeta a cognição

Pesquisas mostraram que os smartphones afetam a cognição. Um estudo publicado na revista científica Frontiers in Psychology, em 2017, relata que, quando usado com prudência, os dispositivos podem até aumentar a cognição humana. 

No entanto, o estudo mostra que os hábitos atuais de uso de celulares vêm demonstrando um impacto negativo e duradouro na capacidade dos usuários de pensar, lembrar, prestar atenção e regular as emoções.

(Relacionado: O que acontece com o cérebro quando não dormimos)

O impacto na memória acontece porque os smartphones permitem que nossos cérebros não trabalhem muito para obter informações. Por exemplo, quando você lê um livro, você gera as imagens descritas na obra com a sua mente, diferentemente de quando você assiste a um vídeo. A consequência disso, segundo a pesquisa, é que não retemos o conhecimento tão bem.

Protesto fora de uma coletiva de imprensa é filmado e transmitido ao vivo através do celular. Tulsa, Oklahoma, Estados Unidos.

Foto de Bethany Mollenkof

Celulares podem deixar os cérebros “preguiçosos”

Outra pesquisa, feita por pesquisadores da Universidade de Waterloo (Canadá), em 2015, aponta que os celulares estão nos deixando mais preguiçosos para pensar. 

O artigo, divulgado na Science Daily, diz que com os smartphones não é mais preciso memorizar um número de telefone ou encontrar seu caminho pela cidade usando um mapa – o dispositivo faz essas coisas por você com um toque na tela. Isso, segundo o estudo, causa uma dependência excessiva do smartphone, o que pode levar à preguiça mental. 

Os pesquisadores também relataram que evitar usar a própria mente para resolver problemas pode ter consequências no envelhecimento.

Continuar a Ler

Você também pode se interessar

História
A astrologia é uma ciência?
História
Qual é a origem da humanidade segundo a ciência
História
O que é canibalismo?
História
O que é a Terra Indígena Yanomami
História
Quatro curiosidades que você não sabia sobre o Ano Novo Chinês de 2023

Descubra Nat Geo

  • Animais
  • Meio ambiente
  • História
  • Ciência
  • Viagem
  • Fotografia
  • Espaço
  • Vídeo

Sobre nós

Inscrição

  • Assine a newsletter
  • Disney+

Siga-nos

Copyright © 1996-2015 National Geographic Society. Copyright © 2015-2021 National Geographic Partners, LLC. Todos os direitos reservados