Qual o animal mais letal aos seres humanos?

Tubarões? Cobras venenosas? O animal que mais ameaça a vida humana é menor do que você espera.

Milhares de mosquitos brancos aglomeravam-se na tela da janela do restaurante. Lago Urmia, Irã.

Foto de Newsha Tavakolian
Por Redação National Geographic Brasil
Publicado 7 de nov. de 2022 12:11 BRT

Ao pensar no animal mais letal para os seres humanos, o que vem à sua cabeça? Um leão? Ou talvez bichos venenosos, como cobras e escorpiões. Certo? E se o animal mais perigoso é um que está presente no seu dia a dia e, provavelmente, você já foi atacado por ele? 

Segundo o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos, o animal que mais ameaça a vida humana é nada mais nada menos do que o mosquito. Sim, esse pequeno inseto magro, de pernas longas e cujo zumbido é umas das coisas que mais incomoda no mundo é o animal mais mortal do planeta. 

O animal mais mortal do mundo

O motivo de o mosquito ser tão letal é que eles são vetores de diversas doenças perigosas. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), doenças transmitidas por mosquitos causam cerca de 700 mil mortes por ano. 

Para efeito de comparação, ataques de crocodilo ocasionam cerca de mil mortes ao ano, segundo o CrocBite, banco de dados mundial de ataque de crocodilos mantido pela Universidade Charles Darwin (Austrália). Já tubarões são responsáveis por cerca de 10 óbitos anuais, de acordo com o Arquivo Internacional de Ataques de Tubarão, do Museu da Flórida (Estados Unidos). 

Um fotógrafo é atacado por mosquitos perto de Whitehorse, território de Ukon, Canadá.

Foto de Paul Nicklen

Quais doenças os mosquitos transmitem

Dentre as doenças carregadas por esses insetos, a mais grave é a malária. A infecção parasitária é transmitida por mosquitos Anopheline e causa cerca de 219 milhões de casos em todo o mundo, resultando em mais de 400 mil mortes todos os anos, segundo a OMS. 

(Veja também: Mudanças climáticas aumentam casos de doenças como dengue e chikungunya)

Também de acordo com a agência de saúde, em segundo lugar de letalidade está a dengue, transmitida pelo mosquito Aedes. Entretanto, ela é a infecção viral mais prevalente no mundo. 

Mais de 3,9 bilhões de pessoas em 129 países correm o risco de contrair dengue, com uma estimativa de 96 milhões de casos sintomáticos e 40 mil mortes a cada ano, segundo a OMS.

Além da malária e da dengue, outras doenças transmitidas por mosquitos incluem chikungunya, elefantíase, febre amarela, zika e febre do Nilo Ocidental. 

Continuar a Ler

Você também pode se interessar

Animais
Abelhas: por que são importantes e como podemos evitar seu desaparecimento
Animais
Muitos animais simulam a própria morte — e não apenas para evitar serem devorados
Animais
Dia Internacional do Bicho-Preguiça: curiosidades sobre este animal tão presente no continente americano
Animais
Estas moscas super peludas podem 'respirar' debaixo d'água
Animais
Dia Mundial dos Elefantes: 6 fatos sobre os maiores mamíferos terrestres

Descubra Nat Geo

  • Animais
  • Meio ambiente
  • História
  • Ciência
  • Viagem
  • Fotografia
  • Espaço
  • Vídeo

Sobre nós

Inscrição

  • Assine a newsletter
  • Disney+

Siga-nos

Copyright © 1996-2015 National Geographic Society. Copyright © 2015-2021 National Geographic Partners, LLC. Todos os direitos reservados