Qual o efeito da música no cérebro das pessoas?

Ouvir, tocar ou compor melodias não é apenas uma experiência agradável, mas também pode ser benéfica para a saúde.

Um violoncelista da Chamber Music Society do Lincoln Center se apresenta no Spa Little Teatro.

Foto de Amy Toensing
Por Redação National Geographic Brasil
Publicado 17 de jan. de 2023 13:53 BRT

A música pode despertar várias emoções, inspirar e gerar prazer. Mas parece que isto não é tudo: melodias também têm efeitos positivos sobre a saúde do cérebro, diz um relatório de 2020 intitulado Música em nossas mentes: O grande potencial da música para promover a saúde cerebral e o bem-estar mental, feito pelo Conselho Global de Saúde Cerebral (GCBH, na sigla em inglês).

Em 2020, o GCBH reuniu um grupo de especialistas para examinar as evidências sobre a influência da música na saúde cerebral. A conclusão foi que a música tem a capacidade de estimular diferentes áreas do cérebro de uma forma coordenada e em tempo real. 

(Relacionado: Quais nutrientes o cérebro precisa para ser saudável?)

Quais são os benefícios de ouvir música?

"Além de proporcionar diversão e prazer, a música tem a vantagem de melhorar a saúde de uma forma segura e econômica", argumenta o documento do conselho global. 

De acordo com a publicação, ouvir, tocar ou compor uma melodia pode gerar uma sensação de bem-estar, reduzir o estresse, facilitar as relações interpessoais, modular o sistema cardiovascular, melhorar o equilíbrio e fortalecer o sistema imunológico sem nenhum efeito adverso. Ainda segundo o documento, esses benefícios podem ser observados em pessoas de diferentes idades e estados de saúde.

Uma criança pratica com The Roots of Music Marching Crusaders.

Foto de Kathy Flynn

Como a música influencia a saúde do cérebro

Além disso, o GCBH sugere que ouvir ou executar música é uma maneira poderosa de estimular o cérebro, pois afeta diferentes regiões do órgão, incluindo aquelas envolvidas na audição, coordenação motora, atenção, linguagem, emoções, memória e habilidades de raciocínio. Desta forma, ajuda várias partes cognitivas a trabalharem juntas. 

No campo da memória, por sua vez, o documento diz que a música pode ajudar as pessoas a evocar lembranças e emoções significativas. Ouvir uma melodia também ajuda na gestão do estresse e promove o bem-estar mental, diz o GCBH. 

Tocar música, cantar ou dançar em grupo é uma boa maneira de fortalecer as relações sociais com os outros e reduzir a solidão, o que é bom para a saúde do cérebro. Além disso, "aprender a cantar uma nova canção, tocar um instrumento ou dançar estimula a capacidade de raciocínio das pessoas". 

Outro ponto do relatório indica que a música pode ajudar a melhorar a qualidade e a duração do sono, que é um fator importante para a saúde do cérebro.

O documento também reconhece que "há evidências convincentes de que o tratamento especializado baseado em música (musicoterapia) pode melhorar o movimento em pacientes com doenças como Parkinson, incluindo melhorias em sua capacidade de andar e falar". 

O GCBH também relata que há evidências de que a música contribui para a recuperação de pacientes pós-acidente vascular cerebral (AVC), e o canto, especificamente, tem sido usado para ajudar as pessoas a recuperar funções de linguagem. 

O conselho adverte, porém, que embora a música traga benefícios para a saúde mental e o bem-estar, mais pesquisas são necessárias para entender melhor como o cérebro ouve e percebe a música. Uma das linhas de pesquisa tenta compreender, por exemplo, qual é o papel da música na promoção da memória e capacidade de raciocínio em adultos à medida que envelhecem.

Continuar a Ler

Você também pode se interessar

Ciência
8 recomendações para navegar com segurança na internet
Ciência
Por que a fertilidade feminina diminui após os 35 anos?
Ciência
O que é a inteligência artificial?
Ciência
O que é a depressão sazonal e como a ciência tem tratado o transtorno?
Ciência
Como microcoágulos podem ajudar a revelar mistérios da Covid longa?

Descubra Nat Geo

  • Animais
  • Meio ambiente
  • História
  • Ciência
  • Viagem
  • Fotografia
  • Espaço
  • Vídeo

Sobre nós

Inscrição

  • Assine a newsletter
  • Disney+

Siga-nos

Copyright © 1996-2015 National Geographic Society. Copyright © 2015-2021 National Geographic Partners, LLC. Todos os direitos reservados