Empregados desta salina trabalham 12 horas sob sol forte e dormem em abrigo sem janelas

No Rio Grande do Norte, a cultura do sal impulsiona a economia e fascina turistas, mas em alguns casos não respeita a dignidade humana.September 21, 2018

Por Marcio Pimenta