Qual é a diferença entre o guepardo e o leopardo?

Os dois felinos podem até ser parecidos fisicamente, mas existem diferenças marcantes entre esses animais.

Guardas florestais da Reserva Nacional de Samburu, no Quênia, ficam de olho em uma jovem guepardo à medida que ela fica mais fraca e angustiada.

Foto de Nichole Sobecki
Por Redação National Geographic Brasil
Publicado 29 de dez. de 2022 12:08 BRT

À primeira vista, o guepardo (Acinonyx jubatus) e o leopardo (Panthera pardus) parecem dois animais bastante semelhantes. Entretanto, eles não são sequer da mesma espécie, como explica o Cheetah Conservation Fund, organização fundada na Namíbia com o objetivo de conservar os guepardos na natureza. 

Embora ambos sejam membros da família dos felinos, eles pertencem a gêneros diferentes. Por um lado, o leopardo pertence ao gênero Panthera, o mesmo das onças-pintadas e dos leões. Já o guepardo pertence ao Acinonyx. Na verdade, é a única espécie deste gênero que não está extinta.

À esquerda: No alto:

Uma guepardo ferida foi descoberta perto da antiga pista de pouso na Reserva Nacional de Samburu, no Quênia.

Foto de Nichole Sobecki
À direita: Acima:

Leopardo do Sri Lanka sentado em um galho no Parque Nacional de Yala.

Foto de GETTY IMAGES INC

Tal distinção implica em outra diferença. Os grandes felinos do gênero Panthera (que incluem o leão, leopardo, tigre e onça-pintada) distinguem-se do resto da família porque têm um osso hióide – localizado no centro do pescoço, abaixo da mandíbula – flutuante e uma laringe especialmente adaptada que lhes dá a capacidade de rugir.

(Relacionado: 5 fatos sobre a pantera negra que você não sabia)

Os guepardos, por outro lado, não têm esta adaptação e, como resultado, emitem um som parecido com um miado de um gato doméstico. Além disso, eles são conhecidos por ronronar, diz o Cheetah Conservation Fund.

Por outro lado, embora possam parecer semelhantes, as marcas na pelagem dos leopardos e guepardos são diferentes. De acordo com a organização, as manchas que cobrem o corpo do primeiro são de dois tons, e em forma de roseta. Os guepardos, por outro lado, têm pontos negros. Em ambos os casos, esta particularidade permite que eles se camuflem durante a caça nos habitats onde vivem.

(Você pode se interessar: Você consegue diferenciar uma onça-pintada de um leopardo? Descubra)

Além disso, os guepardos caçam durante o dia e carregam adaptações nos olhos, mais precisamente nas linhas lacrimais negras em seus rostos, como proteção contra o brilho do sol. Os leopardos, por outro lado, não precisam de tal proteção, por isso têm o mesmo padrão de manchas no corpo e no rosto.

Um leopardo na Ilha do Chefe no Delta do Okavango de Botsuana.

Foto de Cory Richards

Finalmente, os guepardos são consideravelmente mais rápidos do que outros felinos. De fato, "eles são os mamíferos terrestres mais rápidos e foram documentados atingindo velocidades de até 103 quilômetros por hora", explica a Lista Vermelha de Espécies Ameaçadas da União Internacional para a Conservação da Natureza (UICN), que faz um inventário sobre o estado de conservação mundial de várias espécies.

"Entretanto, em situações reais de caça, onde o guepardo pode ser retardado pelo movimento da presa e pela necessidade de desviar de obstáculos, as velocidades reais podem ser muito menores do que isso", conclui a UICN.

Continuar a Ler

Você também pode se interessar

Animais
5 fatos sobre a pantera negra que você não sabia
Animais
Dia Internacional da Onça-Pintada: 5 curiosidades sobre este felino
Animais
Por dentro da vida quase aquática das onças-pintadas da Amazônia
Animais
Dia Mundial do Leão: 5 fatos sobre o rei da selva
Animais
Um encontro espetacular com um leão de juba negra da Etiópia

Descubra Nat Geo

  • Animais
  • Meio ambiente
  • História
  • Ciência
  • Viagem
  • Fotografia
  • Espaço
  • Vídeo

Sobre nós

Inscrição

  • Assine a newsletter
  • Disney+

Siga-nos

Copyright © 1996-2015 National Geographic Society. Copyright © 2015-2021 National Geographic Partners, LLC. Todos os direitos reservados