Este é o maior asteroide do Sistema Solar, e o tamanho dele vai te surpreender

O asteroide em questão foi descoberto em 1807 pelo astrônomo alemão Heinrich Wilhelm Olbers.

Por Redação National Geographic Brasil
Publicado 24 de jul. de 2023, 11:41 BRT
Cerca de 3,8 a 4 bilhões de anos atrás, a Terra sofreu com o que os ...

Cerca de 3,8 a 4 bilhões de anos atrás, a Terra sofreu com o que os cientistas chamam de Late Heavy Bombardment, uma misteriosa chuva de asteróides e cometas.

Foto de DANA BERRY

A Nasa, agência espacial norte-americana, afirma que existem cerca de 1,3 milhão de asteroides conhecidos, sendo que a maioria dos que estão no Sistema Solar encontra-se no cinturão entre Marte e Júpiter.

O tamanho deles pode variar, apresentando desde centenas de quilômetros até poucos metros de diâmetro. 

De acordo com a Nasa, o maior asteroide do Sistema Solar é o Vesta (também chamado de 4 Vesta), cujo diâmetro é de aproximadamente 530 quilômetros. Em área, ele possui quase o dobro do estado da Califórnia, nos Estados Unidos. 

O Vesta foi descoberto em 1807 pelo astrônomo alemão Heinrich Wilhelm Olbers, e seu nome é uma homenagem à deusa romana do lar. 

“O asteroide gigante é praticamente esférico, sendo quase classificado como um planeta anão. Ao contrário da maioria dos asteroides conhecidos, Vesta se separou em crosta, manto e núcleo, assim como a Terra”, explica a Nasa. 

Vesta apresenta uma das maiores faixas de brilho observadas em qualquer corpo rochoso do Sistema Solar. Acredita-se que esses materiais brilhantes sejam rochas nativas.

Uma curiosidade: cientistas da Nasa estimam que cerca de 300 asteroides escuros com diâmetros de um a dez quilômetros atingiram Vesta durante os últimos 3,5 bilhões de anos. 

Ceres: de asteroide gigante a planeta anão

Por muitos anos, Ceres foi considerado o maior asteroide já conhecido (inclusive, algumas publicações na internet ainda o trazem como o maior). 

Em 2006, por conta do seu tamanho, ganhou uma nova classificação: a de planeta anão, deixando de ser mencionado como asteroide, informa a Nasa.

Com aproximadamente 940 quilômetros de diâmetro, Ceres é o maior objeto no cinturão de asteroides entre Marte e Júpiter, sendo que Vesta vem logo depois.

Em 2015, Ceres tornou-se o primeiro planeta anão a ser visitado por uma nave espacial, no caso, a sonda Dawn, da Nasa. 

loading

Descubra Nat Geo

  • Animais
  • Meio ambiente
  • História
  • Ciência
  • Viagem
  • Fotografia
  • Espaço
  • Vídeo

Sobre nós

Inscrição

  • Assine a newsletter
  • Disney+

Siga-nos

Copyright © 1996-2015 National Geographic Society. Copyright © 2015-2024 National Geographic Partners, LLC. Todos os direitos reservados