É possível calcular quanto tempo equivale um ano-luz na vida humana?

Albert Einstein declarou que nada neste mundo viaja mais rápido do que a luz e, com base nisso, desenvolveu uma das mais importantes teorias da Física.

A luz de raios-X e as imagens que capturam a luz infravermelha são combinadas para criar uma visão da Via Láctea.

Foto de NASA ESA
Por Redação National Geographic Brasil
Publicado 21 de dez. de 2022 15:12 BRT

A luz viaja a uma velocidade constante de 300 mil quilômetros por segundo. Com este parâmetro em mente, a Nasa define um ano-luz como a medida de comprimento (não de tempo) usada para calcular a distância entre corpos no espaço. 

Em outras palavras, o conceito corresponde à distância que a luz percorre do ponto X ao ponto Y em um ano terrestre.

Até onde a luz viaja em um ano terrestre?

A Nebulosa do Ovo brilha a 3000 anos-luz da Terra.

Foto de NASA ESA/JPL

A partir da velocidade da luz, a agência espacial americana afirma que, em um ano terrestre, a luz percorre um total de 9 trilhões de quilômetros. Entretanto, adverte que esta constante é usada para medir distâncias no vasto espaço exterior, ou seja, não é usada para medir o tempo. Por exemplo, essa medida pode ser usada das seguintes formas:

  • A luz do Sol leva 43,2 minutos terrestres para chegar a Júpiter
  • A luz do Sol que vemos da Terra leva oito minutos para percorrer a distância entre os dois corpos;
  • Próxima Centauri, a estrela mais próxima de nosso Sistema Solar, está a 4,25 anos-luz de distância;
  • A Nuvem de Oort, localizada na extremidade do sistema solar, está a 1,87 anos-luz de distância;

O tempo é relativo

Em entrevista online para a National Geographic, José Edelstein, doutor em Física, pesquisador do Instituto Galego de Física de Altas Energias (Igfae, na sigla em espanhol), escritor argentino e divulgador científico, disse que o tempo não é absoluto para todas as pessoas.

(Veja também: Encontradas! Ondas gravitacionais, ou uma distorção no espaço-tempo)

Com base nesta postulação, Edelstein explicou que, se fosse possível construir um veículo que viaje à velocidade da luz, o tempo não seria o mesmo para as pessoas a bordo como é para aqueles que permanecem na Terra.

"Se uma pessoa viaja para o centro da galáxia (a 27 mil anos-luz de distância) em uma espaçonave capaz de manter uma aceleração de 9,8 metros por segundo ao quadrado (para que o astronauta não sinta a falta da gravidade), levaria 20 anos na sua percepção para chegar ao centro da Via Láctea. Nesse tempo, na Terra, milhares de anos teriam se passado", explicou o especialista.

Continuar a Ler

Você também pode se interessar

História
Quais as teorias de Isaac Newton que mudaram os fundamentos da física
Espaço
Ano Novo: quais são os primeiros e os últimos países a celebrá-lo
Espaço
Origem de misteriosa radiação no espaço é finalmente descoberta
Espaço
Cientistas descobrem 12 novas luas em Júpiter
Espaço
Cometa Verde se aproxima da Terra pela primeira vez em 50 mil anos. Confira como e quando observá-lo

Descubra Nat Geo

  • Animais
  • Meio ambiente
  • História
  • Ciência
  • Viagem
  • Fotografia
  • Espaço
  • Vídeo

Sobre nós

Inscrição

  • Assine a newsletter
  • Disney+

Siga-nos

Copyright © 1996-2015 National Geographic Society. Copyright © 2015-2021 National Geographic Partners, LLC. Todos os direitos reservados