9 de agosto de 1945: reviravoltas tornaram Nagasaki alvo dos EUA há 75 anos

Porto japonês não era a primeira escolha para ataque nuclear, mas uma mudança nas circunstâncias e escolhas de última hora condenaram a cidade.
Ciência

A história mortal do nitrato de amônio, explosivo ligado à catástrofe em Beirute

Um mergulho profundo na química e no legado do composto oferece pistas sobre o que provocou a grave explosão no Líbano.

O indescritível horror de Hiroshima: 75 anos depois do bombardeio atômico

É difícil compreender o holocausto nuclear que devastou esta agora vibrante cidade japonesa nos últimos dias da Segunda Guerra Mundial, em 6 de agosto de 1945.

Como o advento das armas nucleares, há 75 anos, mudou o rumo da história

Muitos cientistas lamentaram seu papel na criação de uma arma capaz de aniquilar tudo e todos ao seu redor em segundos.

DNA dos cananeus da Bíblia permanece vivo nos árabes e judeus modernos

Estudo de material genético antigo investiga a surpreendente herança genética desse misterioso povo da Idade do Bronze.

Visitei uma cratera nuclear para ver onde a Era Atômica começou

Há 75 anos, o mundo mudou para sempre com a primeira detonação de um dispositivo nuclear no deserto do Novo México.

Campo nazista esquecido em solo britânico revelado por arqueólogos

Uma investigação forense com duração de uma década esclarece um capítulo da Segunda Guerra Mundial ocorrido nas Ilhas do Canal que muitos prefeririam apagar.

A turbulenta história das Olimpíadas em tempos de crise global

Após Tóquio adiar os Jogos de Verão de 2020, alguns alegam a existência de uma maldição que ocorre a cada 40 anos, que possivelmente explicaria os atrasos, boicotes e turbulências na competição.

Essa icônica foto da Segunda Guerra Mundial foi forjada? Conheça a verdadeira história

A imagem inspiradora resgatou a moral de uma nação  e levantou suspeitas de que talvez fosse perfeita demais para ser verdade.

Primeiro transporte oficial de judeus para Auschwitz levou 999 jovens mulheres

Sobreviventes do campo de concentração na Polônia relembram como descobriram que eram prisioneiras.

Japoneses invadiram Guam durante Segunda Guerra, agora são recebidos como turistas

A ocupação japonesa na ilha custou muitas vidas. Apesar do trauma ainda existir, Guam encontrou uma forma de esquecer o passado.

Aumento de antissemitismo na Europa obriga judeus franceses a fugirem de seu país

Diante de níveis recordes de racismo, membros da maior população judaica do continente europeu estão buscando vida nova em Israel.

Como a União Europeia surgiu das ruínas da Segunda Guerra Mundial

O que nasceu para ser uma união econômica em prol da paz se tornou um dos maiores órgãos políticos do mundo. O Brexit, contudo, sinaliza a chegada de tempos difíceis.

Veja como famoso navio naufragado na Segunda Guerra Mundial foi encontrado

O USS Juneau afundou em novembro de 1942 e pôs fim à vida dos cinco irmãos Sullivan.

Núcleo interno da Terra está fazendo algo estranho

Dados de antigos testes de armas nucleares soviéticas estão ajudando cientistas a terem uma visão em alta resolução do interior do nosso planeta. 

Sobrevivendo ao Holocausto: memórias angustiantes que não podem ser esquecidas

Museus, livros, documentários e um banco de dados estão entre iniciativas conduzidas por brasileiros para disseminar a história do antissemitismo nazista para as novas gerações.

As atrocidades do antissemitismo nazista na Romênia sob o olhar de um garoto

“Só não morri em Auschwitz por que uma tempestade de neve não me deixou embarcar para lá”, conta Joshua Strul, sobrevivente do Holocausto radicado no Brasil.

“Passei a vida perguntando por que sobrevivi ao Holocausto”, diz homem preso pelos nazistas aos 7 anos

Nascido na antiga Tchecoslováquia, Thomas Venetianer perdeu praticamente todos os familiares, mas ele, o pai e a mãe resistiram “milagrosamente” aos campos de concentração e se restabeleceram em São Paulo no fim dos anos 1940.

Sobrevivente de seis campos de concentração carrega o Holocausto marcado na pele e na memória

Auschwitz, Buchenwald, Spaichingen, guetos e marchas da morte: o polonês Kiwa Kozuchowicz considera-se hoje brasileiro e, aos 96 anos, é um símbolo das atrocidades cometidas pelo nazismo.