Como cientistas encontraram Nemo, a mais nova aranha dançarina da Austrália

O aracnídeo, que leva o nome do peixe-palhaço do desenho animado, é a grande novidade de uma onda de descobertas de aranhas-pavão.

Câncer ameaçador que aflige diabos-da-tasmânia pode estar diminuindo

Novas análises genéticas revelam que a doença, que provoca grandes tumores faciais, é menos infecciosa do que há uma década.

Diabos-da-tasmânia retornam à Austrália continental depois de 3 mil anos

Cientistas esperam que a reintrodução desses animais necrófagos possa equilibrar ecossistemas destruídos por espécies invasoras.

Cangurus expostos a herbicida apresentam anormalidades reprodutivas

Estudo sobre a atrazina soma-se a número crescente de pesquisas que revela interferência do agrotóxico no desenvolvimento sexual de vários animais.

Peixe que caminha no fundo do mar foi extinto. É possível salvar seus primos?

O peixe-mão liso foi declarado extinto – é a primeira vez que isso ocorre com uma espécie de peixe marinho.

Vombates órfãos ganham novo lar durante o isolamento – veja fotos

Com a dificuldade de viajar devido à pandemia, uma reabilitadora de animais selvagens transformou seu apartamento em um lar para três vombates resgatados.
1:00

Sabores da Tasmânia: aprenda a fazer um tartar de canguru com Gordon Ramsay

Magra e deliciosa, a carne de canguru também é uma fonte de proteína mais ecológica que a carne de vaca e o cordeiro. O tartar de canguru inclui pimenta picante e cereja nativa doce, ingredientes forrageados no mato da Tasmânia.
0:59

Que chef é esse? Gordon Ramsay encontra Analiese Gregory na Tasmânia

Essa talentosa chef estudou na França e no Reino Unido antes de retornar a seu país e se dedicar à imponente culinária local.

Sabores da Tasmânia: aprenda a fazer uma lagosta de rocha grelhada com Gordon Ramsay

O ambiente remoto e natural da Tasmânia é o lar de alguns dos ingredientes mais frescos do mundo. As deliciosas lagostas de rocha se beneficiam da amora silvestre forrageira nativa e do Samphire, uma planta suculenta com sabor salgado e fresco.

Golfinhos aprendem a usar ferramentas com outros golfinhos, assim como os grandes primatas

Estudo contesta a crença de que apenas as mães ensinam habilidades de caça, o que aumenta as crescentes evidências da inteligência dos golfinhos.

Encontrada na Austrália mais antiga evidência de movimentação de placas tectônicas

As placas tectônicas esculpiram a superfície terrestre e podem ter criado condições propícias para o surgimento da vida. Novo estudo oferece indícios sobre como essa movimentação planetária começou.

Por que essa rara arraia-jamanta é cor-de-rosa?

Descoberta recentemente na Grande Barreira de Corais, a rara tonalidade rosada desse peixe não se deve a uma infecção ou dieta, segundo os cientistas.

Intensos incêndios na Austrália afetarão a disponibilidade de água potável

Quando os grandes volumes de cinzas forem despejados nos rios, represas e mares, provavelmente as reservas de água ficarão poluídas e a fauna aquática morrerá.

Raposas-voadoras estão morrendo em massa devido ao calor extremo na Austrália

No fim de 2019, milhares de mamíferos morreram em um parque de Melbourne devido ao calor de mais de 43 graus.

Incêndios florestais na Austrália geram intensas ‘tempestades de fogo’

De aspecto apocalíptico, as tempestades formadas pelos incêndios provocam relâmpagos e ventos capazes de transportar brasas perigosas por quilômetros.

Incêndios florestais na Austrália dizimam meio bilhão de animais silvestres

Algumas das imagens mais sombrias dos devastadores incêndios florestais que assolam a Austrália retratam a terrível perda de animais silvestres com estimativas assustadoras.

Coalas não estão funcionalmente extintos — pelo menos ainda

Com os marsupiais emblemáticos sofrendo nos incêndios florestais australianos, espalhou-se a desinformação sobre seu desaparecimento. Veja o que sabemos sobre isso.

Fósseis de penas de dinossauros encontrados pela primeira vez perto do Polo Sul

A plumagem antiga sugere que pequenos dinossauros carnívoros enfrentaram invernos longos e frios dentro do Círculo Antártico há 118 milhões de anos.

Essas cobras conseguem saltar — e os cientistas querem entender por quê

Sabe-se que algumas cobras “voam”, planando entre uma árvore e outra, mas esses répteis conseguem realmente se lançar no ar.

Descubra Nat Geo

  • Animais
  • Meio ambiente
  • História
  • Ciência
  • Viagem
  • Fotografia
  • Espaço
  • Vídeo

Sobre nós

Inscrição

  • Assine a newsletter
  • Disney+

Siga-nos

Copyright © 1996-2015 National Geographic Society. Copyright © 2015-2017 National Geographic Partners, LLC. Todos os direitos reservados