Não é só a feijoada: as 10 comidas típicas do Brasil que você precisa experimentar

A diversificada gastronomia brasileira reflete a miscigenação característica da cultura do país, com pratos que trazem sabores de origem indígena, africana, e vindos de imigrantes europeus e asiáticos.

Por Redação National Geographic Brasil
Publicado 4 de ago. de 2023, 15:46 BRT
O barreado é um prato feito à base de carne bovina e tornou-se uma iguaria gastronômica ...

O barreado é um prato feito à base de carne bovina e tornou-se uma iguaria gastronômica degustada há mais de 200 anos.

Foto de José Fernando Ogura Agência Estadual de Notícias do Paraná

É comum que a feijoada, o pão de queijo, o acarajé  e o brigadeiro estejam entre as especialidades mais lembradas quando se fala de pratos típicos brasileiros pelo mundo. No entanto, há diversas outras comidas que são únicas e acabam sendo símbolos da culinária do país, mas pouca gente conhece.

Brasil possui uma saborosa e diversificada lista de pratos tradicionais, que vêm com influências indígenas, africanas, e de imigrantes europeus e asiáticos. No livro Alimentos Regionais Brasileiros, publicado pelo Ministério da Saúde, essa herança é comprovada por uma longa relação de pratos típicos (e suas receitas), listados como forma de incentivar a alimentação saudável, o consumo de alimentos locais, além de divulgar o potencial gastronômico do país.

Para conhecer melhor a comida brasileira, a National Geographic Brasil separou dez pratos (dois de cada região) que merecem ser experimentados.  Confira:

1. Comidas típicas do Norte

Conhecido por abrigar a maior parte da floresta amazônica no território brasileiro, o Norte do país é formado pelos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins. 

Trata-se de uma região com cultura e folclore muitos particulares e forte influência dos povos originários, algo que se reflete na gastronomia. São exemplos de pratos típicos do Norte:

Maniçoba: prato feito com uma planta que pode se tornar venenosa

A maniçoba é um dos principais atrativos servidos nas festas dos Círios (comemorações religiosas, como o Círio de Nazaré), no estado do Pará. Os ingredientes incluem folhas da planta de mandioca (Manihot esculenta Crantz), além de carne bovina e suína, folha de louro, pimenta do reino, entre outros.

Um fato surpreendente sobre esse prato é que as folhas da mandioca precisam ser cozidas por uma semana antes de consumidas na maniçoba. É o tempo aproximado para que se retire o ácido cianídrico (que tem efeito venenoso), explica a publicação do Ministério da Saúde.

Compota de abiu: doce de uma fruta amazônica e que se come gelado

O abiu é uma fruta da árvore abieiro (Pouteria caimito), bastante típica da região amazônica. Ela pode ser consumida tanto in natura como em diferentes receitas. 

Uma delas é a compota de abiu, na qual a fruta é descascada e tem as suas sementes retiradas antes de ir para uma panela com água quente, açúcar, cravos e canela. O tempo de preparo é de cerca de uma hora – o prato vai, então, para a geladeira e é servido gelado. 

2. Comidas típicas do Nordeste

Além de belas praias e festividades famosas no Brasil inteiro, o Nordeste surpreende aqueles que o visitam com uma gastronomia saborosa e bastante característica. 

Nesta parte do país ficam os estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Piauí, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Sergipe. Como exemplo da culinária regional, podem ser citados:

Bobó maranhense: uma mistura de camarão e ervas

O bobó maranhense é uma ótima opção para quem gosta de camarão. Nesse prato, o crustáceo é refogado com alho, cebola, tomate e pimentão verde.

O camarão é, então, cozido em água juntamente com  quiabo e uma planta herbácea chamada major-gomes,  além de vinagreira, planta medicinal rica em vitaminas e minerais.

Rubacão: para conhecer o sabor do feijão-verde

Feijão-verde, charque, lombo de porco, coentro, pimentão e cebolinha estão entre os ingredientes do rubacão.

O prato é típico de estados como Paraíba e Ceará, sendo muito apreciado em comemorações especiais – como no Dia de São João, por exemplo. 

3. Comidas típicas do Centro-Oeste

Centro-Oeste é formado pelo Distrito Federal (onde está Brasília, a capital do país) e pelos estados de Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. É também o lugar onde geograficamente se situam o Pantanal e parte do Cerrado brasileiro

Esses biomas únicos influenciam nas comidas típicas, que têm como destaque os seguintes pratos:

Bolo de cagaita: doce que vem de uma árvore do Cerrado

Típico do Centro-Oeste brasileiro, este bolo é feito a partir da cagaita, fruto da cagaiteira (Eugenia dysenterica), uma árvore encontrada no Cerrado, na Caatinga e na Mata Atlântica.

 Com exceção da cagaita, os demais ingredientes não são muito diferentes de outros tipos de bolo: manteiga, açúcar, ovo, farinha de trigo, água, fermento. É um excelente prato para o café da manhã ou café da tarde

Empadão goiano: contém o pequi, fruta ainda pouco conhecida

O empadão goiano conquista muitas pessoas pelo seu sabor e recheio. Em geral, leva uma longa lista de ingredientes, incluindo peito e linguiça de frango, chuchu, azeitona, palmito, pequi (uma fruta própria da região e pouco consumida fora dela), além de queijo e maionese. 

Uma curiosidade: em junho de 2023, foi aprovado, em primeira votação na Assembleia Legislativa de Goiás, um projeto de lei que reconhece o empadão goiano como patrimônio cultural e imaterial do estado. 

4. Comidas típicas do Sudeste

A região Sudeste concentra a maior parte da população brasileira, com cerca de 41% de todos os brasileiros vivendo nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerais, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), responsável pelas informações estatísticas e geográficas do país.

Dois dos pratos mais conhecidos da região são:

Moqueca capixaba: um dos mais famosos refogados de peixe

A moqueca capixaba é um prato típico da gastronomia do Espírito Santo.

Foto de Leonardo Vieira Prefeitura de Vitória

A moqueca capixaba pode ser facilmente encontrada em restaurantes das orlas gastronômicas do Espírito Santo. Essa iguaria é preparada com postas de peixe (como o dourado, por exemplo), limão, azeite, alho, cebola, coentro, cebolinha e outros ingredientes.

O prato é tão apreciado que tem até um dia em sua homenagem. Em 30 de setembro, a cidade de Vitória, capital do Espírito Santo, celebra o Dia da Moqueca Capixaba.

Cuscuz paulista: o mais versátil dos acompanhamentos

O cuscuz paulista é um dos pratos representativos do estado de São Paulo e, assim como outros dessa lista, permite que o cozinheiro explore diferentes ingredientes de acordo com o seu gosto.

Um dos itens principais que podem ser adicionados é o camarão, preparado juntamente com palmito, pimenta-do-reino, cheiro-verde, frango desfiado, tomate, entre outros.

5. Comidas típicas do Sul

Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina formam a região que é conhecida por registrar as temperaturas mais baixas do Brasil. 

Historicamente, o Sul brasileiro recebeu a influência de diversas comunidades de imigrantes europeus, como italianos, alemães e poloneses. Entre os muitos pratos típicos, podem ser mencionados:

Barreado: carne bovina cozida no barro

Característico do litoral do Paraná, o barreado é tradicionalmente preparado em uma panela de barro. O prato leva carne bovina e ingredientes como  farinha de mandioca, bacon, banana, folhas de louro e cebola.

Trata-se de uma iguaria historicamente associada a festividades como casamentos, batizados e aniversários.

Rocambole de pinhão: a semente do Sul que vai bem em doces e salgados

O pinhão pode ser utilizado em muitas receitas e uma delas é o rocambole.

Foto de Gilson Abreu Agência Estadual de Notícias do Paraná

O pinhão, que é uma semente originária da araucária (Araucaria angustifolia), é saboreado em muitas receitas na região Sul do Brasil – desde aperitivos e sobremesas,  passando por combinados com carne de panela e farofas.

Uma dessas receitas populares, de acordo com o livro promovido pelo Ministério da Saúde brasileiro, é o rocambole de pinhão, que leva também carne moída, cenoura ralada, pimenta-do-reino, cheiro-verde e outros ingredientes. 

loading

Descubra Nat Geo

  • Animais
  • Meio ambiente
  • História
  • Ciência
  • Viagem
  • Fotografia
  • Espaço
  • Vídeo

Sobre nós

Inscrição

  • Assine a newsletter
  • Disney+

Siga-nos

Copyright © 1996-2015 National Geographic Society. Copyright © 2015-2024 National Geographic Partners, LLC. Todos os direitos reservados